Tigre da Tasmânia

«Eu escrevo como se fosse salvar a vida de alguém. Provavelmente a minha própria vida» C. Lispector

quinta-feira, setembro 8

Implosões em Tróia

Antes do «Patinho Feio» em Viana do Castelo vêm hoje abaixo duas das faraónicas torres do complexo Torralta em Tróia. Será um espectáculo mediático e está a ser tratado como tal, com convidados VIPs e ar de grande festa. É sem dúvida um grande avanço para a civilização, com o enterro de mais atentados ao Ambiente. A Quercus está preocupada com o projecto da Sonae Turismo para o local, que prevê a mudança do cais dos ferries Setúbal-Tróia para uma zona de alimentação de golfinhos. É de facto grave. A Sonae Turismo compromete-se, por outro lado, a emitir licenças de construção a moradias de apenas um piso. Positivo. Estima-se que o novo complexo turístico, para além de promover a renovação e o reordenamento da zona, venha a gerar cerca de 8 mil postos de trabalho. E nestas coistas do Ambiente, aliás como em tudo, a parte financeira é de igual importância.
Enfim, apesar de alguns contras, parece que finalmente estamos a assistir a uma política de limpeza dos mamarrachos. Esperemos agora pelas Torres de Ofir, Quarteira e todos as outras ameaças urbanísticas.

2 Comentários:

Às 4:00 da tarde , Anonymous Livre Pensador disse...

Hoje vai ser um espectáculo e tanto...

 
Às 10:35 da tarde , Anonymous Terrível disse...

Oh sim, vamos todos esperar...e de mãos dadas!!!

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial