Tigre da Tasmânia

«Eu escrevo como se fosse salvar a vida de alguém. Provavelmente a minha própria vida» C. Lispector

terça-feira, março 7

Copos do Gaudí

Lembro-me de quando estive em trabalho no Fórum das Culturas 2004 em Barcelona da elevada consciência ecológica que se vivia no evento. Uma dos pequenos (grandes) pormenores eram as bebidas servidas nos vários quiosques espalhados pelo recinto. Eram servidas em copos de plástico, custando cada um cinquenta cêntimos. Não eram copos quaisquer. Eram estilizados, elaborados por um designer, inspirados nas curvas de Gaudí. Melhor que tudo, eram reutilizáveis. O cliente podia optar por guardar o copo e entregá-lo a cada nova bebida. Assim, não se gastava plástico indiscriminadamente. Cada um, ajudado pelo facto de ter gasto uma quantia simbólica num copo, ganhava assim um pouco de consciência ambiental. Uma boa ideia para eventos, para discotecas e outros acontecimentos onde o desperdício de plástico é um crime.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial