Tigre da Tasmânia

«Eu escrevo como se fosse salvar a vida de alguém. Provavelmente a minha própria vida» C. Lispector

segunda-feira, abril 5

Há dias assim, que vêm mesmo a calhar

Hoje, a caminho do trabalho, depois da subida do alto do Monsanto, olhei para o sol que brilhava no céu sem nuvens e só pensei: «Obrigado!»

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial